6 dicas para escrever um email de apresentação de vendas perfeito

email de apresentação de vendas

Emails de trabalho podem acabar com o nosso bom humor. É comum recebermos centenas por dia e eliminarmos de imediato a maioria deles. Com um email de apresentação de vendas não é diferente: como aponta o Hubspot, líder no mercado de softwares de vendas e marketing, a taxa média de abertura de emails de vendas é de apenas 24%. Dependendo do tipo de indústria, esse número pode ser ainda menor.

Vendedores tentando fechar o maior número possível de negócios querem ter certeza de que seus emails estejam entre esses 24%.

Embora isso possa parecer um tiro no escuro, reunimos algumas dicas que podem ser seguidas para aumentar essas taxas e atingir um número maior de clientes em potencial.

Como escrever um email de apresentação de vendas para fechar negócios

Os passos a seguir não ajudarão apenas a cumprir quotas de vendas como também a parar de irritar clientes em potencial. Emails mal escritos não fazem uma empresa atrativa a ninguém, sejam clientes em potencial ou não. Enviar mensagens melhores, mais informativas e atenciosas é uma maneira de não afastar futuros clientes.

1. Escolha um assunto convincente

Sara Hartanov, gerente de relacionamento com clientes do Capterra, aconselha às equipes de vendas B2B a “fazer uma pergunta, criar urgência e agregar valor” no assunto dos emails.

Nada de gritar em caixa alta algo como “QUER ECONOMIZAR DINHEIRO??? ABRA ESSE EMAIL AGORA”.

É preciso transmitir a importância da mensagem e sugerir o que a empresa pode fazer pela organização de um potencial cliente antes mesmo de ele abrir o email.

Se você está promocionando um produto mais econômico do que o da concorrência, algo como “Você gostaria de baixar em 20% seus custos operacionais anuais?” pode aumentar exponencialmente as taxas de abertura.

O próximo passo:

Inicie testes A/B com vários assuntos para ver qual funciona melhor. Veja quais resultam em taxas de resposta mais altas.

Isso pode ser feito manualmente, mas usar uma solução de rastreamento de emails pode fornecer resultados mais precisos. Visite nosso diretório caso uma ferramenta para rastrear a entrega de emails e taxas de abertura ainda não esteja disponível na sua empresa.

2. Seja conciso

Não há nada pior do que abrir um email de vendas e encontrar um romance lá dentro.

Evite parágrafos grandes e textos longos e truncados. Use de 50 a 125 palavras. Caso seja necessário comunicar detalhes complexos, siga a próxima dica para fazê-lo de forma eficaz.

O próximo passo:

Defina um limite de palavras daqui para frente. Siga a sugestão mencionada acima ou comece a acompanhar a sua própria contagem de palavras para ver qual tamanho de mensagem gera mais respostas.

3. Dê aos clientes em potencial só uma parte do conteúdo para que eles possam descobrir mais

Os clientes em potencial querem saber mais sobre os produtos, como funcionam, quais são os seus benefícios e quanto custam. Mas nem sempre querem ouvir tais informações de um vendedor.

Em vez de divulgar pessoalmente o valor do produto repetidas vezes em um email com mais do mesmo, comunique tal informação através de estudos de caso, artigos técnicos, menções de terceiros ao seu produto ou links para avaliações verificadas. Use o máximo possível de informações vindas da equipe de serviço ao cliente para conquistar novos prospectos.

O próximo passo:

Trabalhe com as equipes de marketing para criar conteúdos que incluam depoimentos de clientes que demonstrem o valor do produto.

4. Personalize os emails

Ninguém gosta de sentir que lhe estão vendendo alguma coisa. Embora seja bom ter um roteiro de vendas para as chamadas telefônicas e modelos de mensagens, emails padrões devem ser evitados.

Personifique a mensagem com detalhes dos benefícios do produto a compradores individuais e empresas. Mesmo que você apresente o seu produto como uma solução de economia de tempo que pode ser usada por qualquer um, é possível personalizar tal afirmação de algumas maneiras:

  • Mencione o que mais essas pessoas poderiam estar fazendo com o seu tempo: trabalhar em projetos importantes que estão surgindo ou então fornecendo o serviço de atendimento ao cliente de excelência pelo qual são conhecidos, por exemplo.
  • Seja específico: quanto tempo seus clientes em potencial economizarão ao usar o seu produto? Isso tem um valor em dinheiro? Caso tenha, faça o cálculo e envie essa informação.

O próximo passo:

Antes de enviar um email, anote três razões concretas e específicas pelas quais o seu produto ou serviço seria uma boa opção para o negócio em questão e compartilhe isso com o cliente em potencial.

5. Defina passos a seguir claros fazendo um pedido específico

Um cliente em potencial nunca deve perguntar-se o que é esperado dele ou por que ele foi contatado. Não assuma que a pessoa contatada conheça o processo de vendas e saiba que ela não gastará tempo montando um quebra-cabeça depois de receber um email enigmático.

Torne as coisas mais fáceis para a empresa e para o seu cliente em relação ao próximo passo a ser dado com algum pedido concreto e específico ou uma chamada para ação (CTA, de call-to-action, na sigla em inglês).

Dessa forma, ambos estão em sintonia sobre o que é necessário ser feito antes que qualquer um dos dois possa avançar no processo de vendas.

O próximo passo:

Adicione espaços reservados para os próximos passos em seus templates de email de apresentação de vendas, assim não é preciso incluir um em cada mensagem. Você pode utilizar as ideias abaixo ou criar sua própria CTA.

Conforme conversamos…; Lembre-se que…

6. Faça um acompanhamento regular

Só porque um cliente em potencial não responde ao seu primeiro email não significa que ele deve ser esquecido. Muito provavelmente várias aproximações serão necessárias antes de um contato (talvez você nem sequer chegue a falar diretamente com o cliente).

Lembre-se que assim que você desistir, seu cliente em potencial esquecerá quem você é. Use um software CRM (gestão de relacionamento com o cliente) para criar lembretes a fim de acompanhar os prospectos e não deixar ninguém escapar.

O próximo passo:

Leia este artigo para conhecer todos os benefícios de um CRM.

Faça a sua parte: acabe com o email de vendas de mau gosto

O email é um método tão comum de comunicação profissional que é fácil deixar de preocupar-se com ele. E como a maioria dos emails de vendas nem sequer são abertos, também é fácil pensar que não vale a pena gastar tempo escrevendo mensagens inteligentes, sucintas e personalizadas.

Entretanto, o email é frequentemente a melhor maneira de apresentar o seu nome ou o nome de sua empresa a seus clientes B2B em potencial.

Dedicar tempo para criar mensagens úteis e informativas trará apenas benefícios aos números de vendas – além de fazer os clientes avançarem pelo funil de vendas.

Quais são suas melhores práticas para escrever e enviar emails de vendas B2B? Compartilhe-as com a gente nos comentários abaixo.

À procura de softwares de automação de marketing? Confira a lista do Capterra com as melhores ferramentas de automação de marketing.